domingo, 4 de julho de 2010

As linhas tortas - Allyson Alves

Tenho escrito sim, por essas linhas tortas.
As linhas retas te levam com segurança.
Nem sempre eu acho graça...
Quero um pouco de aventura.

Ao mesmo tempo quero paz.
E percebo que é uma grande aventura
Viver em busca da paz.
Que nem sempre se percebe.

É inverno, e o frio me dói os ossos,
Resfria a face, resseca os lábios.
Estes que não beijam como antes.
Lábios meus que pouco falam.

Falo mesmo por estas letras encaixadas
Desajustadas e não direcionadas.
Apoiadas em linhas tortas...
Pra ter um gostinho de aventura.

Um comentário:

barbara_bmls disse...

respondendo a sua pergunta, hahaha
eu sou eu!
e ah, acho que voce ja sabe quem sou eu.
que seja...
meu blog :)
http://barbaralores.wordpress.com
não tem quase nada lá, mas eu sei que você pode relevar.

buscar a paz é uma das aventuras mais difíceis e, por isso, poucos tentam... você pode se sentir presenteado por ser um deles.
ah, e bonito texto, parabéns :)


Barbara :D
obs. tentei ser um pouco simpática por mais que você se divirta me irritando ;)