sexta-feira, 14 de maio de 2010

Desabafo n°1 - Allyson Alves

Não sou escritor.
Apenas conheço algumas palavras.
Penso que algumas ficam bem unidas.
Algumas fazem sentido reunidas.
Penso que não existe um sentido pra escrever,
Já que eu não sou escritor.
Também não sou poeta.
Nem sei o que me rotularia assim.
Como se reconhece um poeta?
Como se reconhece um escritor?
Eu, não sou.
Eu penso rascunhando garranchos.
Rabisco com garranchos rascunhos de pensamentos.
E só.
Escritor é quem escreve?
Ou escritor é quem sabe escrever?
Poeta é quem escreve poesia?
Ou poeta é quem percebe a poesia?
Não sou poeta.
Não sou escritor.
Eu, não sou.
Sou um oportunista.
E só.

Um comentário:

Ana...aninha... disse...

http://arliquidodois.blogs.sapo.pt/arquivo/767921.html